Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Happy & Healthy

Happy & Healthy


VivaFit Coimbra, uma equipa criada a pensar em ti

por Happy & Healthy, em 24.09.15

Com o começo do ano letivo e o retorno às rotinas, é essencial que não nos esqueçamos de reservar um tempinho para o exercício físico. Eu sei que o tempo voa, que os afazeres são mais que muitos, e que nem sempre apetece. Mas não se esqueçam que os corpos de verão se trabalham no inverno. Não há dietas, nem ginásios milagrosos, é essencial persistir, manter hábitos saudáveis.

 

Como sabem, sou adepta do desporto ao ar livre, contudo temos que admitir que, no inverno, a procura de um ginásio se torna essencial para quem não quer depender de interferências climatéricas. Além do mais, uma equipa capaz de nos motivar e de desenhar planos de treino adequados ao nosso corpo é, sem dúvida, uma mais valia para a saúde (e para aquele corpo de sonho... FINALMENTE)!

 

Por todos estes motivos, estou super entusiasmada com a nova parceria do blog, uma marca que considero capaz de trazer tudo isto: um treino completo, equilibrado, sofisticado, divertido, motivador e, acima de tudo, personalizado - VivaFit Coimbra.

 

Se ainda não conhecem, aconselho-vos vivamente a passarem por lá. Porque no ginásio também nos podemos sentir em casa... mas não em qualquer um. ;)

 

vivafit_logo.jpg

 

 

 

 

 


Como ter uma barriga de sonho?!

por Happy & Healthy, em 23.09.15

Sabem aquela gordura abdominal que teima em não desaparecer, apesar de todo o esforço e dedicação?! Podem respirar de alívio pois esse vai passar a ser o menor dos vossos problemas, depois destas excelentes dicas do João Rodrigues. Neste post são desvendados todos os truques para uma barriga de sonho. Depois quero ver os resultados! ;)

 

  

Qual o melhor tipo de treino para acabar com a gordura abdominal localizada?

 

Não existe um tipo de treino mais adequado para perda de massa gorda, o ideal é alternar o treino de resistência muscular com o treino metabólico (hoje em dia comumente referido como o HIIT) e o treino cardiovascular de baixa e/ou moderada intensidade.

 

O treino de força é importante para aumentar o metabolismo e o treino cardiovascular para melhorar a utilização das gorduras como fonte de energia por parte do nosso organismo por isso nenhum deles deve ser desprezado. E não, fazer 200 abdominais por dia não é a solução, pois o gasto calórico é mínimo e estamos a esgotar maioritariamente as reservas dos músculos e não dos adipócitos (células que reservam a gordura).

 

Também não é preciso passar 2h no ginásio ou a correr pois corremos o risco de baixar o metabolismo do organismo e assim que voltarmos a comer, o organismo vai absorver prioritariamente hidratos de carbono e gorduras como “proteção” contra a depleção das reservas energéticas, quase como entrar num “modo de poupança” em que o gasto energético é condicionado e o consumo calórico é promovido (mais fome e absorção prioritária de nutrientes mais calóricos).

 

 

O que devo comer para conseguir perder a gordura abdominal localizada?

 

Além do treino, a nutrição é claramente um fator essencial na perda de massa gorda. Hoje em dia existem muitas dietas, poucas com consistência em resultados ciêntíficos. Aqui o conceito é simples: consumo calórico igual ao gasto – não deve ser inferior pois, caso contrário, baixa o metabolismo do organismo e voltamos a entrar em “modo de poupança” – variedade do tipo de alimentos – não cortar completamente em gorduras ou hidratos de carbono – e o timing das refeições – mais quantidade e hidratos de carbono de manhã e menos quantidade e mais proteínas à noite.

 

A suplementação também é um tópico muito falado mas, para mim, este deve ser um último recurso: se não se treina com quantidade e qualidade aliando uma boa alimentação, não vale a pena sequer pensar em suplementação. Como um conceituado nutricionista dizia “os suplementos são como a aerodinâmica de um carro… só que a maior parte dos atletas faz tuning!”.

No entanto, se realmente apenas o treino e nutrição não forem suficientes, os suplementos mais estudados e provados cientificamente são a cafeína, CLA e L-Carnitina. Deve-se procurar sempre a ajuda de um profissional antes de utilizar suplementação.

 

Além de tudo isto é importante referir que cada pessoa é diferente e questões como a genética e hábitos de vida anteriores pesam nesta questão e nem todos podem obter os mesmo resultados com a mesma rapidez e facilidade. Por isso a paciência e persistência serão o último passo para atingir o êxito. Bons treinos!

  

 

João Rodrigues

Licenciado em Ciências do Desporto e mestre em Treino Desportivo, o João é um especialista entusiasta, dedicado e informado. Incentiva não só à boa forma física, mas sobretudo a um estilo de vida saudável, estando disponível para responder a qualquer questão.
Sigam-no no facebook AQUI.

 

 


Lisboa, menina e moça

por Happy & Healthy, em 20.09.15

11880304_1162004803829177_739768068_n.jpg

 

 

No primeiro domingo pós-férias, já atolado de trabalho, a única salvação são mesmo as memórias dos belos tempos de verão.

 

Um destes fins-de-semana de Agosto passei em Lisboa, para matar saudades. A cidade tem uma luz especial e acho que, no fundo, é o que mais me atrai na capital.

 

Além disso, Lisboa é muito viva e é fácil perdermo-nos com tantas atrações. Por isso, mantenho o meu roteiro habitual, com alguns desvios, de quando em quando, para ver algumas atualizações mais recentes.

 

O meu ponto de partida é o Jardim de São Pedro, simplesmente porque é revigorante começar o dia com uma vista tão poderosa. Daí, desço até à Rua do Alecrim para tomar o pequeno-almoço no Quinoa (infelizmente, desta vez, apanhei-os fechados).

  

Com o estômago aconchegado, subo um pouco para descer novamente, desta vez pelo Chiado, saudando à passagem o Dr. Fernando Pessoa, que gosta sempre de beber o seu cafezinho n'A Brasileira, enquanto aguarda por mais uma tertúlia literária. Depois, atravesso a Rua Augusta, ao som dos incríveis talentos de rua que costumam marcar presença nesta emblemática artéria da cidade. E, quando chego finalmente aos muros do Terreiro do Paço, perco sempre um bom bocado, deslumbrada com o panorâmico Tejo. Uma visão saudosa.

 

Agora, conforme a vontade, tenho dois trajetos possíveis. O primeiro é caminhar em direção a Belém. Gosto de parar para almoçar no Mercado da Ribeira, apesar de ser caótico, especialmente em Agosto, que temos os turistas à perna. Desta vez, escolhi um hambúrguer de bacalhau em pão de caco divinal, que compensou todas as habilidades exploratórias requiridas para arranjar um lugar. De seguida, ora passo no CCB, ora sigo até Alcântara, onde o Lx Factory é paragem obrigatória. Um espaço carismárico, revestido de história e com uma sobredosagem de criatividade por metro quadrado. Saio de lá inspiradíssima.

 

A segunda opção é na direção oposta, no sentido Santa Apolónia, mas com destino a Alfama. Vou lá recordar a simplicidade e a fidelidade à traça portuguesa. Sente-se um bairrismo impressionante e acolhedor por entre as ruas estreitas e coloridas, onde há sempre uma porta entreaberta para uma boa noite de fados.

 

Para terminar o dia, não podia deixar de beber um copo no Bairro Alto e descer até à Rua Cor-de-Rosa, pela Pensão do Amor, um bar peculiar, que serve ótimos cocktails num ambientes burlesco. A noite acaba no Lux e só saio quando a luz me chamar. Aquela luz especial. 

   

11909898_1162004907162500_1489210437_n.jpg

 

 

Dizem que depois da tempestade vem a bonança, mas por vezes, vem simplesmente outra tempestade. E entre um bote e o outro, surge a dúvida constante, entre a tentativa aflitiva de nos mantermos à tona, e a rendição à falta de forças para prosseguir na luta, ao afundamento propriamente dito, que tanto é fonte de tranquilidade como de frustração.

 

No dilúvio constante que têm sido os últimos dias, vi neste shortcake de abóbora barrado com creme de queijo magro, uma bóia de salvação, um barco de abrigo. Por vezes, mesmo quando o escuro persiste, está presente uma leve luz de presença, e esta receita traz esse conforto de lareira acesa num dia chuvoso. Quentinho, mas com um top de frescura, acompanhado de um latté morno, é sem dúvida um incentivo extra para lutar contra à maré.

 

Aconselho-vos vivamente a experimentarem esta alternativa saudável, porque este inverno promete e nada melhor para moderar os ataques incontroláveis de fome emocional, que uma receita saciante e equilibrada.

 

 

DSC_0231.JPG

  

DSC_0234.JPG

 

DSC_0193.JPG

 

Ingredientes:

  • ½ chávena de farinha com fermento;
  • ½ chávena de farinha integral;
  • 1 colher (de sopa) de linhaça;
  • 2 chávenas de puré de abóbora;
  • 4 colheres (de sopa) de leite;
  • 6 colheres (de sopa) de azeite;
  • 2 colheres de essência de baunilha;
  • 1 ovo;
  • 1 colher (de sopa) de mistura de especiarias (coentros, orégãos, canela, erva-doce);
  • 1 pitada de sal.

 

Preparação:

Num recipiente, junte a farinha, a linhaça e as especiarias.

Posteriomente, adicione a abóbora, o leite, o azeite, a baunilha e ovo. Misture bem até obter uma massa homogénea.

Leve ao forno, num tabuleiro forrado com papel vegetal, a 200ºC, por cerca de 30 minutos ou até estar cozido. Retire, corte em fatias e barre com creme de queijo fresco magro. Coma quentinho com uma bebida morna, leve para um snack prático, ou leve ao frigorífico e sirva frio. É uma receita bastante versátil, vale a pena ter sempre à mão para saltar opções menos aconselháveis este inverno. Fica a sugestão ;)

 

Hoje disse adeus ao verão, assim que caiu a primeira gota. As aulas estão aí a chegar, e já nem a última semana de férias é sagrada. Para consolar este meu desconsolo, aconcheguei-me em bolachas integrais de abóbora, feitas com a primeira da estação, colhida diretamente do quintal. Que delícia. Fi-la acompanhar de uma chávena de cevada morna, este vento estava a pedi-las.

 

DSC_0075.JPG

  

DSC_0124.JPG

  

DSC_0141.JPG

 Ingredientes:

  • 1 chávena de farinha com fermento;
  • 1 chávena de farinha integral;
  • 1 chávena de puré de abóbora
  • 1 ovo;
  • 1 colher (de chá) de fermento;
  • 1 colher (de sopa) de canela;
  • 1 colher (de chá) de orégãos;
  • 1/3 chávena de azeite;
  • 1 colher (de sopa) de mel (opcional)
  • 1 colher (de sopa) de essência de baunilha
  • 1 colher (de sopa) de linhaça

 

Preparação:

Num recipiente, junte a farinha, o fermento, a canela, as especiarias e a linhaça.

Posteriormente, adicione o puré de abóbora, o ovo, o azeite, o mel e a baunilha. Amasse bem até obter uma massa homogénea.

Num tabuleiro forrado a papel vegetal, disponha pedaços de massa idênticos, tentando moldar a forma de bolacha.

Leve ao forno a 180ºC durante 20 minutos ou até ficarem douradas.

Junte uma peça de fruta e tem um snack prático e saudável.

 

 


Salada de Setembro

por Happy & Healthy, em 05.09.15

Enquanto houver calor, há saladas cá em casa. São muito práticas de conceber e altamente nutritivas. Para mim, fazer saladas é um jogo divertido de experiências, de sabores, texturas e cores vibrantes, do qual resulta uma alimentação variadíssima.

 

Desta vez, não houve que enganar. O bacalhão apoderara-se do estrelato, mas a vontade era de framboesas. Para ensopar no molho vitamínico, feito de um fio de azeite e gotas de limão, elegi um pão de centeio rústico à boa moda da família. O jantar foi assim, leve e fresco, não houve que enganar. ;)

 

11911016_1164156906947300_567366193_n.jpg

 

  

11910944_1164162753613382_29093612_n.jpg

 

 

Selecionei para a salada, alface, tomate, cenoura, cebola roxa, pimentos verdes, bacalhau desfiado, azeitonas fatiadas, tiras de maçã com casca vermelha e, por último, polvilhei com framboesas.
Reguei com azeite e umas gotas de sumo de limão, nunca adiciono sal a receitas com bacalhau. Serve-se com pão fresquinho, às tiras. E voilà.

 


Nova parceria no Happy & Healthy

por Happy & Healthy, em 03.09.15

Alerta, alerta! Há nova parceria no Happy & Healthy, com João Rodrigues. Formado em desporto, o João é uma pessoa super dinâmica, e está pronto para dar umas dicas aos leitores mais fit da blogosfera. Acho que vamos aprender umas coisinhas valentes.

 

“É com grande prazer que, a convite da Rita, vou fazer uma pequena contribuição para este blog. Vou escrever artigos sobre exercício físico e desporto pois é a minha área. Sou licenciado em Ciências do Desporto e segui mestrado pela área do Treino Desportivo. Espero que seja uma ajuda para aqueles que procuram alguma informação extra sobre treino pois, cada vez mais, se percebe a importância do exercício físico na saúde e bem-estar. Estarei disposto a esclarecer qualquer dúvida por isso não hesitem em contactar! Bons treinos. ;)”

 

Curiosos? Muito brevemente teremos alguns artigos da sua autoria. Fiquem atentos. ;)

 

 

 


7 alimentos que vão mudar a tua pele

por Happy & Healthy, em 02.09.15

Uma pele saudável e brilhante é uma peça-chave na autoestima de qualquer pessoa. No entanto, para conseguir a pele perfeita, há cuidados essenciais a manter, que vão desde o protetor solar diário, ao cuidado com a nutrição.

 

Escolher os alimentos certos é crucial para uma pele luminosa e, além de ingeridos, podem ser também aplicados topicamente, substituindo assim a quantidade absurda de químicos em forma de cremes, que usamos diariamente.

  

Por isso, descobri 7 ingredientes que garantem um cuidado bem mais natural. Basta aplicar durante meia hora, para obter uma pele nutrida e bonita. Acendam as velinhas e ponham uma música de fundo relaxante, vão ver que o resultado final é digno dos melhores spas. Vamos a isso?

  

After-Sun-Avocado-Body-Mask.jpg

 

 

 

 

#1 Abacate

A polpa de abacate é rica em vitaminas D e E e em saponinas. Estes constituintes estimulam a produção de colagénio e conferem uma pele mais jovem, com menos rugas.

É indicado para peles normais ou secas.

  

 

#2 Ananás

O ananás possui alfahidroxiácidos, capazes de estimular a formação de colagénio, de hidratar a pele e de promover a eliminação de células mortas. A fórmula consiste em triturar a casca e a polpa do ananás, enxaguando devidamente no final da aplicação.

 

 

#3 Uvas

Uma fruta tão comum no solo português, de que frequentemente nos esquecemos de usufruir. Além do vinho, as uvas dão também excelentes cremes, devido às suas propriedades hidratantes. Devem-se triturar e, se necessário, adicionar um pouco de mel e de iogurte natural.

 

 

#4 Mel

Por falar em mel, este é um ótimo produto anti-rugas, apesar de ser mais conhecido pela capacidade hidratante. Como tal, não podia deixar de fazer parte desta lista. É muitas vezes adicionado a outras fórmulas, aplicado sozinho ou ainda juntamente com iogurte natural.

 

 

#5 Cenoura

Este é outro ingrediente capaz de proteger a pele da exposição solar, além de poder auxiliar o tratamento de eczemas ou queimaduras solares. Melhora ainda a textura da pele e confere-lhe uma tonalidade super bonita. O truque passa por triturá-la e espalhar na pele, durante os tais trinta minutos.

 

 

#6 Limão

Rico em vitaminas C e E, é um poderoso antioxidante. Pode ser aplicado às rodelas, ou também adicionado a outras fórmulas como esta: mel + limão + azeite virgem.

Recomendado para peles secas, envelhecidas ou desgastadas pela exposição solar.

 

 

#7 Pepino

Ora aqui está um vegetal que não podia deixar de fazer parte da lista. Em polpa ou em rodelas, o pepino é uma arma potente para a hidratação da pele, tendo um forte poder anti-inflamatório, atuando também como antirrugas.

 

Créditos de imagem | Pinterest


«Morrer jovem… O mais tarde possível!»

por Happy & Healthy, em 02.09.15

2a94699987223f70d11046aa50cf90e8.jpg

 

 

 

 

Envelhecer é algo que me assusta, simplesmente pelo medo do desconhecido, ou mesmo pela dificuldade que tenho na aceitação da efemeridade de tudo, incluindo de nós próprios. Porém, assim como sei que estamos geneticamente programados para envelhecer, há também evidências de que o meio ambiente condiciona a expressão desses mesmos genes. Quero com isto dizer que temos o poder de, através das nossas escolhas, modelarmos a velocidade com que envelhecemos e de prevenirmos o aparecimento de doenças.

 

Esta é uma área cada vez mais investigada no mundo, parece que todos queremos o elixir da vida. Pois eu tenho aqui 12 gotas dessa poção mágica, no frasquinho da medicina antiaging. Vão querer bebê-la?

 

 

  1. Não é segredo que uma nutrição equilibrada faz milagres. Evitem refeições abundantes, ricas em gorduras prejudiciais, como as saturadas ou as trans.
     
  2. Do exercício não se escapam. Faz mais que bem à saúde, se praticado com segurança e moderação. Meia hora de exercício de intensidade moderada, entre 4 a 7 vezes por semana, é o suficiente.
     
  3. Além do exercício, é importante manterem-se ativos no dia-a-dia, ocupando-se com uma atividade ou um interesse na vida, capaz vos tirar da cama. Não esquecendo, claro, que o descanso é fundamental. Há que reservar momentos de lazer e de férias.
     
  4. Manter o peso ideal e constante é uma premissa chave. Para o conseguirem, sugiro que adotem um estilo de vida saudável ao invés de experimentarem todas as dietas da moda, em sequência.
     
  5. O stress, a ansiedade e a depressão levam-nos a um desgaste físico e psicológico e, caso surjam, sugiro que recorram à ajuda de um profissional. É importante que cuidem da auto-estima, que mantenham um espírito otimista e que se rodeiem de pessoas positivas.
     
  6. A máxima deitar cedo e cedo erguer, não escapa à fórmula. Dormir entre 7 a 8 horas por dia, todos os dias, é o recomendado.
     
  7. Fujam das drogas, incluindo o tabaco e o álcool, pois são aceleradores do envelhecimento, degradando o organismo.
     
  8. Mantenham uma vida sexual ativa, praticando sexo seguro. Em caso de dúvidas, recorram a um médico ou a um centro de saúde, não esquecendo que estão protegidos pelo sigilo profissional.
     
  9. Usar o cinto de segurança ou o capacete, se for o caso, moderando a velocidade, é uma medida eficaz, muitas vezes subestimada.
     
  10. Façam um check-up médico anual, ou de acordo com as recomendações do profissional de saúde.
     
  11. Manter a espiritualidade ou a religiosidade pode ajudar a ultrapassar algumas dificuldades e a diminuir a ansiedade. É uma prática que tem sido associada a uma maior longevidade.
     
  12. Não aceitem de ânimo leve sintomas que vos causem mal-estar, como parte natural do envelhecimento. Devemos tentar combatê-los ou minimizá-lo, com a ajuda de profissionais.
     

   

Certamente, alguns de vós estarão a pensar que estas recomendações não são novidade. Mas pergunto-vos, quantos items cumprem regularmente? A dificuldade está em praticar estas técnicas no dia-a-dia, no seio de uma sociedade em que os maus hábitos estão cada vez mais enraizados. Fica o conselho, nunca é cedo ou tarde para começar. Estimulem o corpo e a mente e lutem para se manterem jovens.

 

* Frase do título é da autoria de Pernette du Guillet

Créditos de imagem | Pinterest

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D