Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Os 5 erros mais comuns no ginásio

por Happy & Healthy, em 08.12.15

 

Hoje vou-vos falar dos 5 erros comuns no ginásio, com foco na realização de exercícios, embora existam muitos outros mitos em termos de planeamento e nutrição.

 

A regra é: não confiem em tudo o que veêm na internet! Procurem informação segura e fiável (estudos científicos são sempre o que existe de mais fiável), por isso procurem artigos que contenham sempre fundamentos científicos.

   

 

 

1. Agachamento em “cadeira”

 

Este é provavelmente o maior mito de todos nos ginásios, tanto para homens como para mulheres. Quantas vezes já ouvi treinadores, ou li na internet, aqueles feedbacks: “transfere o peso para o calcanhar!” ou “não deixes passar o joelho à frente da ponta do pé!”. Como já devem ter percebido, é errado. E, se isto é errado em agachamento livre, então agachamentos “em cadeira” na Multipower nem se fala. Isto tanto a nível de não satisfazer os objetivos do exercício, como não ser bom para a coluna!

 

O agachamento deve ser o mais natural possível e deve respeitar a fisiologia do corpo humano, por isso, se não se consegue agachar bem com peso, o mais provável é que não se tenha flexibilidade para tal e, portanto, nem sequer faz sentido realizar agachamentos com peso adicional, além claro do próprio peso corporal!

 

Untitled.pngUntitled2.png

  

    

    

 

2. Treinar glúteos com caneleiras

 

Este é mais direcionado para o público feminino. Aqueles exercícios em 4 apoios (mãos e joelhos apoiados no chão) que prometem definir os glúteos, são na verdade irrelevantes para os ganhos prometidos:

  

- Para tonificar precisamos de ganhar massa muscular e perder massa gorda (revê AQUI o artigo sobre gordura localizada), por isso fazer 200.000 repetições deste exercício com 2 ou 3 kg, não te levará a atingir nenhum dos requisitos anteriores;

  

- Normalmente é necessário um controlo articular da anca muito grande que uma população considerada normal não possui. Não tendo esse controlo, o mais provável é que solicitem mais os músculos paravertebrais (zona lombar) do que os próprios glúteos. Resultado? Dores de costas!

   

 

   

3. Crunches para tonificar abdominais

 

Mais uma vez, 200.000 abdominais por dia não ajudam a obter o tão desejado “six pack” (revê AQUI o artigo sobre gordura localizada). O típico crunch não só não satisfaz os resultados que promete, como também é prejudicial para a coluna vertebral.

 

Estão a notar alguma tendência??

  

   

 

4. Realizar exercícios, relaxando a zona abdominal, e arqueando a zona lombar.

 

Há exercícios em que temos de manter o corpo estabilizado para poder executar o movimento corretamente sendo importante, para tal, ter uma boa proprioceção e reforço da musculatura do tronco.

 

Já alguma vez viram weightlifters? Estes profissionais usam cintas para apertar a zona abdominal. O que acontece, é que quando o peso não é excessivo, os nossos músculos, particularmente o abdominal transverso, exercem uma função semelhante à das cintas. Assim, devemos usá-lo de forma a manter uma postura mais “sólida”, enquanto realizamos praticamente todos os exercícios.

 

Muitas vezes, mais vale reduzir o peso que prejudicar a nossa coluna.

 

 

 

5. Dar impulso ou balanço na realização de exercícios monoarticulares

   

Na realização destes exercícios, não só se arquea a zona lombar, como ainda, muitas vezes, se dá uma ajudinha extra com o resto do corpo quando o peso é elevado. Esta “batota” apenas funciona como um placebo pois transmite a sensação de que se está a levantar mais peso.

 

O que acontece realmente é que utilizamos mais músculos, para colmatar a falta de força nos músculos implicados diretamente no movimento em questão. O resultado normalmente é uma pressão excessiva na coluna, pordendo resultar em lesões.

Reduzir o peso também é a melhor solução neste caso.

 

    ***

     

Como puderam perceber, o resultado destes erros é muito semelhante: lesões na coluna. Perguntam-me muitas vezes: “Doem-me as costas, o que fiz para estar assim? Que erros cometi?”. Hoje em dia, a agressão à nossa coluna lombar é diária e grande. Devemos preservá-la ao máximo, pois teremos apenas uma para toda a vida.

 

Um treino bem realizado pode ser trazer enormes benefícios em termos de saúde, qualidade de vida e auto-estima, da mesma forma que um treino mal realizado pode ser uma grande dor de cabeça, e neste caso, uma grande dor de costas! Fica atento às dicas que te vamos dando (segue o AQUI facebook da página), para um treino seguro e eficaz.

 

Be careful, be safe, be fit!

   

 

  

João Rodrigues

Licenciado em Ciências do Desporto e mestre em Treino Desportivo, o João é um especialista entusiasta, dedicado e informado. Incentiva não só à boa forma física, mas sobretudo a um estilo de vida saudável, estando disponível para responder a qualquer questão.
Sigam-no no facebook AQUI.

Autoria e outros dados (tags, etc)


3 comentários

Imagem de perfil
Olá,
Estou neste momento a elaborar a minha dissertação de mestrado em Sociologia: Exclusões e Políticas Sociais na Universidade da Beira Interior, Covilhã, em torno da análise das questões da obesidade, do corpo e da imagem corporal. Para isso, e como opção metodológica decidi criar um blog (http://investigacaoubigoretti.blogs.sapo.pt/) propositadamente para a minha investigação. Neste blog, pessoas entre os 15 e os 35 anos podem anonimamente escrever um texto livre partilhando a sua experiência em relação aos temas que são propostos.

Desta forma, queria solicitar a sua participação (http://investigacaoubigoretti.blogs.sapo.pt/), e acrescentar que toda a gente pode dar o seu testemunho (independentemente do peso e altura), porque o importante são as opiniões das pessoas em relação aos temas, as suas perceções e como vêm o seu corpo.

Seria muito importante, visto que a participação das pessoas é imprescindível para a minha investigação, sem a qual esta não será realizável.


Agradeço desde já.

Cumprimentos,

Goretti Nunes

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Follow

Instagram